Franz Beckenbauer

Conhecido futebolista de nacionalidade alemã, Franz Beckenbauer nasceu em 1945, em Munique. Jogou em diversos clubes, tais como o 1906 Munique (1957-1958), o Bayern de Munique (1958-1977), o New York Cosmos (1977-1980 e 1982-1983) e o Hamburgo SV (1980-1982), tendo abandonado o futebol profissional em 1982. Efetuou 103 jogos pela seleção nacional, o que constituiu um recorde na antiga República Federal da Alemanha (RFA).
Foi campeão da RFA em 1969, 1972, 1973, 1974 e 1982, e dos Estados Unidos da América em 1977, 1978 e 1980. Venceu a Taça da RFA em 1966, 1967, 1969 e 1971; a Taça dos Campeões Europeus em 1974, 1975 e 1976; a Taça das Taças em 1967; e a Taça Intercontinental em 1976. Jogando pela seleção alemã, sagrou-se europeu em 1972 e campeão mundial em 1974. Foi eleito Bola de Ouro em 1972 e 1976. É considerado o melhor jogador alemão de todos os tempos, tendo revolucionado os esquemas de jogo na defesa e no meio-campo.
Depois de terminar a sua carreira como jogador, dedicou-se à carreira de treinador. Foi responsável técnico pela seleção nacional da RFA (1985-1990) e da equipa do Marselha (1990-1992). Ao serviço da seleção alcançou a final do Campeonato do Mundo México'86, perdendo na final com a Argentina de Maradona. Contudo, em 1990 conquistou o troféu no Itália'90 com uma vitória na final, novamente frente à Argentina. Assumiu em 1992 a presidência do Bayern de Munique. O seu vice-presidente é Karl-Heinz Rummenigge, o melhor futebolista alemão da geração que se seguiu à de Beckenbauer. Durante este período acabou por treinar a equipa, tendo alcançado o título de campeão em 1994 e a Taça UEFA em 1996.
Posteriormente liderou o comité de organização do Mundial 2006, a disputar na Alemanha.
Como referenciar: Franz Beckenbauer in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-17 15:35:10]. Disponível na Internet: