gémeos

Os gémeos verdadeiros, univitelinos ou monozigóticos, derivam de um único ovo que naturalmente se divide em dois no decurso do seu desenvolvimento precoce.
Os gémeos falsos, bivitelinos ou dizigóticos, são os que provêm da fecundação simultânea de dois óvulos diferentes por dois gâmetas masculinos ou espermatozoides, também diferentes.
Os gémeos verdadeiros possuem características físicas semelhantes, razão pela qual, geralmente é difícil distingui-los.
Como referenciar: Porto Editora – gémeos na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-12-05 11:25:52]. Disponível em