Gengis Khan

Guerreiro e líder mongol, também conhecido como Chingis Khan (khan significa "príncipe"), nasceu com o nome de Temudjin entre 1155 e 1167 e morreu em agosto de 1227, na província chinesa de Kan-Su. Filho do chefe da tribo mongol Kyiad, Yesugüei, e de sua mulher Hoelun, pertencia ao clã Borjigin. O seu pai foi envenenado quando Temudjin era ainda criança, pelo que a tribo o não aceitou como sucessor na liderança e o expulsou, assim como à sua família (esta tribo tentou assassiná-lo, mais tarde, mas Temudjin conseguiu escapar do cativeiro).
Entrando ao serviço de Wang ou Toghril Khan, governante dos Karaiti e anda (irmão de sangue por juramento) do seu pai, foi ganhando poder junto a este soberano. Em 1206, num conselho ou kurultai de chefes mongóis, foi eleito Gengis Khan, na sequência da morte de Toghril Khan e da imposição da sua força com o apoio da tribo Karaiti. Já antes de se ter tornado Khan tinha levado a cabo um trabalho de unificação de diversas tribos mongóis nómadas (Karaiti, Uyghurs, Naimans, Merkits, Mongóis e Tártaros), conferindo-lhes uma identidade comum fundamental para a constituição e unidade do que seria o império mongol. Todas estas tribos unificadas passaram a ser designadas por Mongóis. O império mongol passou a confinar com a China, da qual os Mongóis eram tradicionalmente vassalos. Gengis Khan conseguiu invadir Pequim em 1211 e inverter as posições, ao tornar o imperador Si-Hia seu vassalo. Em 1215 a guerra estalaria outra vez com a China, estendendo desta vez o imperador mongol o seu domínio ao centro e Sul da China, assim como ao Kharizim, ao Turquestão, à Transoxiânia, ao Khorazão e ao Quersoneso. Enquanto Gengis Khan se dedicou a conquistar e manter os territórios chineses com parte do exército, o seu filho Jochi comandava o restante das forças na conquista de outros territórios. O império conquistado pelos Mongóis abrangeu territórios do que hoje são a Hungria, a Polónia, o Koweit, a Moldávia, o Afeganistão, o Usbequistão, o Cazaquistão, o Irão, o Iraque, a Geórgia, a Arménia, o Azerbeijão, a Coreia, a Ucrânia, a Rússia, a Mongólia e a China.
Casou aos dezassete anos com Börte (pertencente à tribo Konkirat) e com ela teve quatro filhos: Jochi, Chagatai, Ögedei e Tolui, não se conhecendo a identidade dos demais por não serem filhos da imperatriz.
Como referenciar: Porto Editora – Gengis Khan na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-12-03 14:16:11]. Disponível em