Geraldine Chaplin

Atriz norte-americana, de nome completo Geraldine Leigh Chaplin, filha do lendário Charles Chaplin e neta do dramaturgo Eugene O'Neill, nasceu a 31 de julho de 1944, em Santa Mónica, Califórnia. Os seus primeiros passos no cinema deu-os ao lado de seu pai em Limelight (Luzes da Ribalta), em 1952, mas foi o realizador David Lean que a "descobriu" nos seus tempos de juventude quando frequentava o Royal Ballet Academy, em Londres. O épico Doctor Zhivago (Doutor Jivago, 1965) foi o seu primeiro filme na idade adulta, a que se seguiram muitos outros, entre os quais, The Four Musketeers (Os Quatro Mosqueteiros, 1974), Cria Cuervos (1976), Roseland (1977), Remember my Name (1978), Nashville (1975), The Wedding (O Casamento, 1978), estes dois últimos de Robert Altman, Les Uns Ou Les Autres (Uns e Outros, 1981), Chaplin (1992), em que personificou a sua própria avó, e The Age of Innocence (Idade da Inocência, 1993). De aspeto frágil e sensível, tem assumido papéis muito particulares, marcados por características especiais ou excêntricas. No seu currículo, conta-se também a autoria do argumento para o filme La Madriguera (1969). Mãe de dois filhos, Shane e Oona, é conhecido o seu longo relacionamento com o realizador espanhol Carlos Saura. Geraldine Chaplin teve até hoje várias nomeações para prémios dos Globos de Ouro (1993, 1976 e 1966) com Chaplin (1992), Nashville (1975) na categoria de Melhor Atriz Secundária, e Doctor Zhivago (Doutor Jivago, 1965), na categoria de Melhor Jovem Atriz Promissora, e também uma nomeação como Melhor Atriz Secundária em Wellcome to L.A (1977), para os prémios da Academia Britânica.
Como referenciar: Geraldine Chaplin in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-18 08:33:46]. Disponível na Internet: