Gershom Sholem

Erudito judeu, nascido em 1897 e falecido em 1982, dedicou grande parte da sua vida à investigação da mística judaica. Desenvolveu um trabalho profundo de exegese dos textos fundamentais do Judaísmo, estudando fontes documentais originais e recuperando a tradição interpretativa judaica e a cabala. Era amigo pessoal de Jorge Luis Borges e Walter Benjamin. A partir de 1925 e até falecer, foi professor na Universidade Hebraica de Jerusalém. Entre as suas obras mais significativas, destacam-se Die Jüdische Mystik in ihren Hauptströmungen (1951), Zur Kabbala und Ihrer Symbolik (1960), Judaica (três volumes, 1963, 1970 e 1972) e Von der mystischen Gestalt der Gottheit (1962).
Como referenciar: Gershom Sholem in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-17 09:44:10]. Disponível na Internet: