Gordon Cooper

Astronauta norte-americano, Leroy Gordon Cooper Jr. nasceu a 6 de março de 1927, em Shawnee, no estado do Oklahoma, e faleceu a 4 de outubro de 2004, na sua casa em Ventura, Califórnia, nos Estados Unidos da América.
Gordon Cooper ingressou na Força Aérea norte-americana em 1949, onde se tornou piloto de elite na Base de Edwards, na Califórnia. Paralelamente estudou no Instituto de Tecnologia da Força Aérea, onde, em 1957, tirou um bacharelato em Engenharia Aeronáutica, dando continuidade aos estudos que havia iniciado na Universidade do Hawai.
Como piloto serviu quatro anos na Alemanha e já nos Estados Unidos da América foi designado piloto de testes. Nesta época começou a interessar-se pelo programa espacial norte-americano, o que o levou a candidatar-se ao lugar de astronauta. Em abril de 1959, após ultrapassar uma série de testes físicos e mentais, Cooper foi selecionado para integrar o Projeto Mercury, um programa espacial da NASA, a agência espacial norte-americana.
Cerca de quatro anos mais tarde, a 15 de maio de 1963, Cooper partiu pela primeira vez para o espaço, tendo pilotado a nave Faith 7, que fez 22 órbitas à volta da Terra.
Em 1965, Gordon Cooper bateu um recorde de resistência no espaço ao percorrer mais de 3,3 milhões de milhas a bordo da Gemini 5. Cooper foi o comandante da missão que durou oito dias, entre 21 e 29 de agosto. Com esta missão, passou também a ser o primeiro homem a participar em dois voos orbitais.
Gordon Cooper abandonou a Força Aérea e a NASA em 1970 com o posto de coronel.
Posteriormente, trabalhou como consultor para diversas empresas aeroespaciais, de eletrónica e de energia, tendo ainda sido vice-presidente da Walt Disney nas aéreas de investigação e desenvolvimento.
Paralelamente à carreira profissional, Cooper tornou-se numa das vozes mais importantes na defesa da ideia de haver extraterrestres a visitar a Terra. Acusou o governo norte-americano de esconder informações sobre esta atividade extraterrestre.
Como referenciar: Gordon Cooper in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-02-21 16:47:45]. Disponível na Internet: