Grupo 4

Grupo teatral fundado, em 1966, pelos atores Rui Mendes, Morais e Castro, João Lourenço e Irene Cruz. Surgiram em plena era ditatorial, tendo pretendido fugir a um conceito de teatro empresarial que vigorava na época. Esta sociedade de atores não teve qualquer subsídio do Estado e os autores atuavam no cinema Tivoli, onde apresentaram peças como Knack (1967), de Ann Jelicoe, e Amanhã Digo-te Por Música (1968), de James Saunders. Formado na sua maioria por atores que tinham passado pelo Conservatório Nacional, preconizaram a difusão de um estilo dramático bastante intimista e de grande interação com o público. Estiveram na vanguarda do teatro independente, tendo influenciado a criação de grupos como Os Bonecreiros, O Teatro da Cornucópia, a Comuna e o Teatro de Campolide. Da sua cisão, em 1975, surgiu o atual Teatro Aberto.
Como referenciar: Grupo 4 in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-02-20 06:53:46]. Disponível na Internet: