Artigos de apoio

«Há falta de cadeiras, por isso, usamos os bancos» ou «À falta de cadeiras, por isso, usamos os bancos»?

A forma correta é há falta de.

é a terceira pessoa do singular do presente do indicativo do verbo haver, que neste caso, significa «existir». Este verbo, seguido do nome falta e da preposição de, significa «algo que não existe»:

          Há falta de cadeiras, somos dez pessoas e só há oito cadeiras
.

À falta de
é uma locução preposicional equivalente a na ausência de, como em:

          À falta de consenso
, a decisão foi tomada pela maioria.

Para além disso, à falta de pode também corresponder ao uso da preposição a pedida por um verbo e contraída com o artigo definido feminino do nome falta. Por exemplo:

          O atraso da encomenda deve-se à falta de mão de obra
(dever-se a + a falta).
Como referenciar: «Há falta de cadeiras, por isso, usamos os bancos» ou «À falta de cadeiras, por isso, usamos os bancos»? in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-07-23 12:47:42]. Disponível na Internet: