haletos

Um haleto, também designado por halogeneto, consiste em cada um dos compostos químicos formados por um halogéneo e outro elemento químico ou radical orgânico. Quando este segundo elemento é o hidrogénio, o composto resultante é um hidrácido; quando é um metal, forma-se um sal; quando é um radical orgânico, tem-se um halogeneto orgânico, alifático ou aromático.
Os haletos podem ser formados por ligações covalentes ou por ligações iónicas. Os haletos de metais típicos são iónicos (exemplo, fluoreto de sódio, NaF). Os metais também podem formar halites nos quais a ligação é predominantemente covalente (exemplo: cloreto de alumínio AlCl3).
Os haletos de alquilo são compostos orgânicos nos quais um ou mais átomos de hidrogénio do alcano foram substituídos por átomos de halogéneo. São exemplos o clorometano (CH3Cl), o dibromometano (CH2BrCH2Br). Os haletos de alquilo podem-se formar por reação direta entre um alcano e um halogéneo usando radiação ultravioleta.
Como referenciar: Porto Editora – haletos na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-01-25 11:25:10]. Disponível em