hemácia

Designação das células também chamadas eritrócitos ou glóbulos vermelhos. As hemácias são as células mais numerosas do sangue e contêm um pigmento vermelho, a hemoglobina, que é responsável pelo transporte do oxigénio. Os eritrócitos dos mamíferos, exceto nos Camelídeos, têm a forma de disco bicôncavo sem núcleo, enquanto nos outros vertebrados são ovais e nucleados. Nos mamíferos camelídeos, as hemácias são elípticas com núcleo. Nos seres humanos, o número de eritrócitos do sangue varia entre 4,5 e 5,5 milhões por milímetro cúbico. As hemácias vivem durante cerca de 120 dias, sendo depois destruídas no fígado e no baço.
As hemácias têm origem nos eritroblastos do tecido mieloide da medula vermelha óssea que se diferenciam em hemácias ou eritrócitos. Inicialmente, os eritroblastos possuem núcleo e, em princípio, não têm cor, ainda que se encham de hemoglobina durante o seu desenvolvimento. Nos mamíferos, exceto nos Camelídeos, o núcleo durante o desenvolvimento do eritroblasto - eritropoiese - desaparece.
Como referenciar: hemácia in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-04-02 14:54:07]. Disponível na Internet: