Henrique Franco

Pintor português, Henrique Franco de Sousa nasceu em 1883, no Funchal. Estudou pintura na Academia de Belas-Artes de Lisboa, durante quatro anos, onde foi aluno de Columbano. Em seguida, deslocou-se para Paris com objetivo de completar a sua formação artística. Instalou-se nesta cidade na mesma altura que o seu irmão, o escultor Francisco Franco, formando, em conjunto com os pintores Dórdio Gomes e Alfredo Miguéis e o escultor Diogo de Macedo, o grupo "Os Cinco Independentes" (independentes da conservadora cultura artística portuguesa). Durante os anos em que viveu em França foi influenciado por Manet e por Cézanne, e gradualmente libertou-se do cromatismo naturalista em favor de cores planas que diluem o sentido volumétrico e perspético da imagem.
Em 1920, Henrique Franco regressou à Ilha da Madeira. Um dos seus primeiros trabalhos, ainda bastante manetiano pela harmonia tonal e pelo tema, é o quadro "Depois do Banho". Outra pintura, "Paisagem Madeirense", datada de 1921, apresenta um acentuar do afastamento da cor real dos elementos representados e também uma tendência para um formalismo decorativo que o desvia da estética impressionista. A tela "Galinha Preta", realizada em 1922, é uma das suas obras-primas e representa um dos momentos altos da influência cezaniana no tratamento das superfícies das figuras.
Apesar da tentativa de alinhamento com os movimentos artísticos vanguardistas, as peças expostas por este autor na exposição do grupo "Os Cinco Independentes", realizada na Sociedade Nacional de Belas-Artes (Lisboa) em 1923, denunciam um evidente compromisso com as correntes mais tradicionais, na vontade de agradar à classe burguesa. Henrique Franco dedicou-se também à arte sacra, tendo revelado um especial interesse pelo fresco, técnica que reabilitou e desenvolveu após décadas de quase total abandono. Dentro deste género destaca-se o fresco "Via Sacra", pintado na Igreja de Nossa Senhora de Fátima em Lisboa.
Henrique Franco desenvolveu também atividade letiva. Após ter lecionado durante alguns anos no Funchal, em 1934 tornou-se docente na Escola de Belas Artes de Lisboa.
Faleceu em 1961.
Como referenciar: Henrique Franco in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-26 00:45:11]. Disponível na Internet: