hipótese heterotrófica

Modelo proposto, em 1929, por dois cientistas, um russo, Alexandre Oparin, e outro inglês, John Healdam, que publicaram independentemente as suas hipótese sobre a origem da vida. Ambos admitiram que a origem das primeiras substâncias orgânicas teria sido por síntese abiótica. Primeiro ter-se-iam formado moléculas muito simples que, por acaso, teriam chocado entre si e reagido, dando origem a outras substâncias mais complexas. Deste modo, por evolução química ou molecular, teriam aparecido todos os tipos de moléculas orgânicas indispensáveis ao aparecimento de vida.
A vida teria surgido no momento, em que, por acaso, se teriam reunido nas proporções adequadas todas as moléculas químicas necessárias ao desenvolvimento dos mecanismos biológicos que estão na base da sua existência. A origem dessas moléculas seria abiótica.
Como referenciar: hipótese heterotrófica in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-09-24 11:32:52]. Disponível na Internet: