historicismo

Conceito que designa o gosto romântico pelo tratamento de temas históricos, motivado não apenas pela atração do exotismo epocal, mas sobretudo pelo interesse em captar os momentos, os episódios, os caracteres que explicam a originalidade e a genuinidade de cada nação. O historicismo relaciona-se, portanto, com o nacionalismo.

Em Portugal, como nos outros países europeus, o historicismo manifestou-se na literatura através do surto do romance e do drama históricos, da recolha dos romanceiros populares (em que Almeida Garrett é pioneiro) e do interesse pelos estudos históricos (de que Alexandre Herculano é o principal impulsionador).

Embora os românticos portugueses se tenham interessado por diferentes épocas da nossa história, privilegiaram, à semelhança, aliás, dos românticos europeus, a evocação da Idade Média, da sua arte, literatura e costumes, onde se propunham recolher os elementos primitivos e puros da personalidade coletiva da nação, pelo que o historicismo assume muitas vezes as formas do medievalismo.
Como referenciar: historicismo in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-17 01:19:59]. Disponível na Internet: