Howard Stern

Apresentador de rádio norte-americano, Howard Allan Stern, nascido a 12 de janeiro de 1954, em Jackson Heights, Nova Iorque, destacou-se pela linguagem ofensiva e por comentários polémicos, nomeadamente sobre sexo, raças e política.
O pai de Howard era dono de um estúdio discográfico em Manhattan, onde Howard Stern desenvolveu o gosto pelo mundo da rádio.
Em 1976, já depois de se ter mudado para Boston com a família, concluiu o bacharelato em comunicações na Universidade de Boston. Tornou-se então disc-jockey e diretor de programas da estação de rádio WRNW, de Nova Iorque, especializando-se na divulgação de música rock. Depois, em 1978, mudou-se para a WCCC-FM, do Connecticut, onde divulgou rock progressivo. Os programas de Howard Stern caracterizavam-se por ter bastantes momentos de conversa com o apresentador como protagonista. Depois de ter passado por mais duas estações de rádio, em 1982 regressou a Nova Iorque, desta vez para trabalhar para a WNBC, emitida a nível nacional. Dois anos mais tarde, foi convidado a aparecer no famoso programa televisivo Late Night with David Letterman, tornando-se conhecido em todo o país. Contudo, em 1985 Stern foi despedido da WNBC por causa de um sketch considerado muito ofensivo. Regressou às rádios locais, mas o sucesso do seu programa levou a que este passasse a ser difundido em diversos estados norte-americanos. Na década de 90 do século XX, Stern tornou-se num dos mais conhecidos apresentadores de rádio dos Estados Unido da América, destacando-se por usar linguagem considerada ofensiva e por fazer piadas e comentários polémicos sobre sexo, raças, política, etc. Esta postura levou a que fosse várias vezes processado pela Federal Communications Comission (FCC), entidade que regula as emissões de rádio no seu país. No início de 2006, Stern passou a trabalhar numa rádio privada emitida por satélite, a Sirius Satellite Rádio, que apenas pode ser ouvida por assinantes. Nesta rádio deixou de estar sob a alçada da FCC.
Paralelamente à rádio, Stern dedicou-se também as outras atividades, o que o levou a auto-intitular-se "O Rei de Todos os Media". Nomeadamente, em 1993 lançou a sua autobiografia Private Parts, que se tornou num grande êxito comercial. Dois anos mais tarde, lançou Miss America, um livro que incidiu principalmente sobre a sua carreira radiofónica e que também subiu aos tops de vendas. Private Parts veio a dar origem a um filme com o mesmo título, protagonizado pelo próprio, que estreou em 1997.
Os programas de rádio de Howard Stern passaram a ter uma versão televisiva a partir de 1990, o que contribuiu para aumentar a popularidade dos seus shows. Chegaram ser transmitidos em Portugal, na televisão por cabo.
Como referenciar: Howard Stern in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-02-16 03:27:38]. Disponível na Internet: