Igreja Matriz da Amadora

A Igreja de Nossa Senhora da Conceição, atual Matriz da Amadora, foi inaugurada em 1958 para substituir a Capelinha de Nossa Senhora da Conceição da Lapa, na Falagueira, datada do século XVIII.
Em dezembro de 1956, o Cardeal Patriarca D. Manuel Cerejeira abençoou a primeira pedra. Menos de dois anos depois, a igreja estava totalmente construída, ocupando o terreno anteriormente pertencente ao Clube de Futebol Estrela da Amadora. No dia 12 de julho de 1958 a igreja, com capacidade para 2500 fiéis, é inaugurada. Neste dia foram depositadas nos três altares da igreja as relíquias de S. Pio X, Santa Maria Goretti e S. Peregrino.
Como referenciar: Igreja Matriz da Amadora in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2021. [consult. 2021-01-27 12:40:32]. Disponível na Internet: