Igreja Matriz da Murtosa

Vila integrante do distrito de Aveiro, a Murtosa fica na vizinhança da Ria de Aveiro. No centro desta povoação ergue-se a Matriz de N. Sra. da Natividade. O antigo templo foi edificado no sítio do Adro Velho e substituído mais tarde por esta igreja barroca da primeira metade do século XVIII. Posteriormente, no século XX, várias reformas introduziram alterações de vulto no esquema do templo.
A frontaria é uma aparatosa composição arquitetónica barroca, mas austera e contida na distribuição dos seus escassos motivos decorativos. Ao centro rasga-se um portal de linhas direitas, ladeado por duas pilastras da ordem toscana e encimado por entablamento ressaltado. Por cima deste, ao nível do coro, abre-se janela retangular rematada por frontão triangular entre dois pináculos adossados à parede. A empena apresenta um traçado mistilíneo.
A torre eleva-se no lado esquerdo, com duas aberturas sineiras em todas as suas faces, sobressaindo angulares gárgulas cilíndricas da cimalha, rematada por cobertura piramidal. O interior é simples e a nave coberta por um teto de madeira. A parte de maior destaque concentra-se entre a zona do transepto e a capela-mor. O retábulo-mor em talha dourada não é original, pois a sua proveniência reside numa igreja do Sul do País que foi desativada. Trata-se de uma composição retabular aparatosa do Barroco de Estilo Nacional, datado dos finais do século XVII e com acrescentos modernos. Já neste século, as paredes da capela-mor foram forradas por seis painéis de modernos azulejos com episódios hagiográficos, produzidos pela antiga fábrica aveirense da Fonte Nova.
Embutidos nas paredes estão dois singelos altares do Barroco Joanino e datados dos meados do século XVIII. Os colaterais são composições datadas dos finais de Setecentos, ornadas de festões, grinaldas e concheados contracurvados. Este conjunto retabular é dourado e pintado a branco.
Algumas interessantes esculturas em madeira, obras barrocas da segunda metade do século XVIII, destacam-se do espólio sagrado e artístico da Matriz da Murtosa, com especial relevo para as imagens de S. Domingos, S. Gonçalo de Amarante ou ainda S. Miguel.
Como referenciar: Igreja Matriz da Murtosa in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-21 06:22:27]. Disponível na Internet: