Isabel Leal

Psicóloga e psicoterapeuta portuguesa, Isabel Maria Pereira Leal nasceu a 2 de setembro de 1956, em Lisboa.
Psicoterapeuta e psicóloga conceituada nos meios clínicos, Isabel Leal é licenciada desde 1979 em Psicologia pelo Instituto Superior de Psicologia Aplicada. Fez License complémentaire em Psicologia e Ciências da Educação pela Universidade Católica de Louvain, em 1985, e posteriormente concluiu doutoramento com a tese Le pouvoir: proposition pour une analyse structuro-dynamique, apresentada na mesma universidade, em 1991. Obteve a equivalência a grau de doutor em Psicologia Clínica, em 1992, concedido pela Universidade Clássica de Lisboa.
Foi também completando a sua formação como terapeuta: em 1985, concluiu formação como grupanalista; em 1980, como terapeuta familiar; e em 1988, como psicoterapeuta, pela Sociedade Portuguesa de Psicoterapias Breves. Em 1995, tornou-se cofundadora da Sociedade Portuguesa de Psicologia da Saúde e foi também a primeira presidente eleita da direção da sociedade. Trabalha, desde 1986, como coordenadora do Departamento de Psicologia Clínica da Maternidade Dr. Alfredo da Costa, onde faz acompanhamento psicológico a futuras mães com gravidezes de risco e orienta estágios de psicologia para futuros psicólogos.
Em 1983, iniciou a sua colaboração como professora associada no Instituto Superior de Psicologia Aplicada, lecionando a cadeira de Introdução às Psicoterapias e Temas Avançados, bem como orientando teses de mestrado em Psicologia da Saúde.
Participou em diversos debates, colóquios, conferências e congressos sobre os mais variados temas, entre eles a sexualidade e a parentalidade.
Escreveu mais de cinquenta artigos científicos, colaborou em oito livros de outros autores e publicou individualmente outros seis, de entre os quais se pode destacar Psicologia da Gravidez e da Maternidade, que nos fala da descoberta de facetas psicológicas da gravidez e posterior maternidade. Este livro, dividido em duas partes, explora esta problemática a partir dos diferentes pontos de vista, tais como o da mulher grávida, o do bebé, o da relação entre ambos e o da família; na segunda parte, tomamos contacto com situações problemáticas, muitas vezes alvo de intervenção clínica, associadas a este ciclo de vida. Dirigido especialmente a estudantes e profissionais interessados na área da Saúde Materna e Infantil, pode ser também um importante contributo para ajudar as mulheres que são ou serão mães a descobrir estes momentos tão especiais.
Publicou também Gostar de quem não gosta de nós e outras crónicas - um notável conjunto de crónicas que reuniu e que dizem respeito ao quotidiano de todos nós; Morrer nunca, um conjunto de ensaios sobre o corpo, a psicanálise, a sexualidade e o mistério; e ainda Entrevista Clínica e psicoterapia de Apoio, dirigido essencialmente a estudantes de psicologia, que explicita e organiza todo o setting necessário à intervenção clínica numa psicoterapia de apoio.
Desde 1992 que colabora regularmente com diversos meios de comunicação social: revistas, televisão e rádio, tendo como principais áreas de interesse e de investigação a Psicologia da Saúde, a Psicologia da Gravidez e da Maternidade, Questões do Género e da Parentalidade e a Psicologia Sexual e Reprodutiva.
Como referenciar: Isabel Leal in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-15 10:55:44]. Disponível na Internet: