Itzama

Este deus foi dos mais importantes entre os Maias. Era filho de Kinich Ahau, e tinha o poder da cura e de dar a vida aos que tinham falecido, entre muitos outros. Na cidade de Itzamal, que lhe era dedicada, ofereciam-lhe um sacrifício anual de esquilos e durante o ano alimentos e outras substâncias.
Proporcionava água para que as colheitas fossem boas, sendo o patrono da agricultura.
Era representado sem dentes ou só com um, testa alta e nariz afilado, ou então como uma mão de cor vermelha.
Aparecem representações suas (em bocas de serpentes) nas Barras Cerimoniais alusivas aos astros e ao céu usadas pelos sacerdotes.
Como referenciar: Porto Editora – Itzama na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-12-08 16:57:10]. Disponível em