Javier Cercas

Escritor espanhol nascido em 1962, em Ibahernando, em Cáceres.
Em 1987, estreou-se a nível literário com o livro de contos El Móvil, seguindo-se, em 1989, a estreia no romance com El Inquilino, editado em 2005, em Portugal, com o título O Inquilino. Esta obra, onde impera o elemento fantástico, é sobre um professor estrangeiro a viver nos Estados Unidos da América, experiência pela qual passou o autor.
Em 1997, escreveu o seu segundo romance El Vientre de la Ballena, seguindo-se Soldados de Salamina, em 2001, que viria a ser o seu maior sucesso, tanto a nível de crítica como de vendas. Este livro foi editado em Portugal em 2002 e, apesar de ser um romance, abordava factos reais e históricos da guerra civil espanhola. Soldados de Salamina foi adaptado ao cinema pelo realizador David Trueba. Em 2005, Javier Cercas lançou La Velocidad de la Luz, sobre a história de uma amizade, que questiona a estupidez da guerra e do êxito.
Paralelamente à carreira literária, Cercas publicou diversas outras obras como um ensaio sobre a obra literária de Gonzalo Suárez, em 1994, um livro de artigos, Una buena temporada, em 1998, e um outro de crónicas Relatos Reales, em 2000.
Ao todo, Javier Cercas já foi traduzido em mais de vinte países.
Javier Cercas dedicou-se também ao ensino e na década de 80 lecionou durante dois anos na Universidade de Illinois, nos Estados Unidos da América. Desde 1989, ocupou o posto de professor de literatura espanhola na Universidade de Girona, cidade onde vive.
Ao longo da sua carreira Javier Cercas foi distinguido com vários prémios, nomeadamente o Prémio Llibreter 2001, o Prémio Cidade de Barcelona, o Prémio da Crítica do Chile, o Prémio Salambó, o, Prémio Cidade de Cartagena, o Prémio Qué Leer, o Prémio Extremadura e o Prémio para a melhor obra de ficção estrangeira, em Inglaterra. Todas estas distinções ficaram a dever-se ao romance Soldados de Salamina.
Como referenciar: Javier Cercas in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-18 04:42:57]. Disponível na Internet: