Jean-Baptiste Robillon

Arquiteto, escultor e gravador francês que veio para Lisboa em 1748, onde começou a exercer o ofício de gravador e desenhador. No final da década de 50 foi contratado para continuar as obras do Palácio de Queluz, sendo o responsável por uma fachada de dois andares na ala sul, por uma colunata clássica e uma balaustrada. Os jardins, à francesa, estão repletos de estátuas, bustos, vasos de mármore e estátuas alegóricas e mitológicas. Para o interior do palácio, Robillon desenhou talhas e espelhos luxuosos e requintados.
Como referenciar: Porto Editora – Jean-Baptiste Robillon na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-09-23 03:09:33]. Disponível em