Jean Cocteau

Escritor francês e personalidade multifacetada da vida cultural francesa, nascido em 1889 e falecido em 1963, abordou sucessivamente o futurismo, o surrealismo e o cubismo. Transpôs para o romance (Thomas l'imposteur, 1923) e para o teatro (Les Parents terribles, 1938) a sua arte poética, tendo ainda ilustrado algumas das suas obras. Enquanto músico, ator e cineasta, realizou La Belle et la Bête (A Bela e o Monstro, 1946), protagonizado pelo notável ator Jean Marais, Orphée (1950) e Le Testament d'Orphée (1960).
Como referenciar: Jean Cocteau in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-01-26 19:12:50]. Disponível na Internet: