Jean Reno

Ator francês nascido em 1948, de seu nome verdadeiro Juan Moreno. Filho de pais espanhóis, que se refugiaram em Marrocos para fugir à ditadura franquista, Reno viajou para França com apenas 17 anos, tendo começado a estudar Artes Dramáticas. Começou por fazer teatro amador em Paris, alternando com participações secundárias em séries televisivas. A sua primeira incursão cinematográfica foi L'Hypothèse du Tableau Volé (1978), onde desempenhou um papel secundário. Continuou a colecionar pequenos papéis em filmes como Subway (1985) e Le Grand Bleu (Vertigem Azul, 1988). A sua primeira interpretação de destaque foi em Nikita (Nikita, Dura de Matar, 1990), onde personificou um assassino profissional. Mas a sua rampa de lançamento foi, sem dúvida, a comédia Les Visiteurs (Os Visitantes, 1993), onde a sua figura de cavaleiro medieval transposto para os tempos modernos conseguiu arrancar gargalhadas das plateias mundiais. Ator favorito de Luc Besson, acompanhou o realizador na sua aventura em Hollywood, tendo somado um franco sucesso com nova interpretação de assassino contratado em Léon (Léon, o Profissional, 1994). A partir daí, tornou-se presença constante em filmes como Mission: Impossible (Missão Impossível, 1996), Godzilla (1998), Ronin (1998), Les Rivières Pourpres (Os Crimes do Rio Púrpura, 2000), Rollerball (2002), Les Rivières Pourpres 2- Les Anges de l'Apocalypse (Os Anjos do Apocalipse, 2003) e The Da Vinci Code (O Código Da Vinci, 2006).
Como referenciar: Jean Reno in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-24 03:09:27]. Disponível na Internet: