John Fowles

Romancista inglês, nascido a 31 de março de 1926, em Leigh-on-Sea (Essex) e falecido a 5 de novembro de 2005, em Dorset, foi educado na Bedford School e estudou em Oxford e licenciou-se em Francês em 1950. Admirava escritores franceses como Albert Camus e Jean-Paul Sartre, com quem sentia afinidades. Foi professor antes de iniciar a sua atividade de escrita.
O primeiro romance, The Collector (O Colecionador), surgiu em 1963. O sucesso do seu primeiro livro incentivou-o a continuar a escrever e, no ano seguinte, publica The Aristos. Em 1965 surge The Magus, um livro de sucesso, particularmente nos Estados Unidos da América, onde se tornou para alguns leitores um livro de culto e, quatro anos mais tarde, lança The French Lieutenant's Woman (A Amante do Tenente Francês). Este último é particularmente notável devido aos comentários incisivos do autor bem como à sugestão de finais alternativos. Foi o livro mais famoso do escritor, tendo recebido vários prémios e inspirado Karel Reisz a realizar o filme homólogo em 1981, protagonizado por Meryl Streep e Jeremy Irons. São igualmente da sua autoria, entre outras obras, a coleção de contos intitulada The Ebony Tower, Daniel Martin e Mantissa, uma fantasia erótica sobre o tema da musa inspiradora com alguns tons mitológicos.
Como referenciar: John Fowles in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-04-20 05:13:46]. Disponível na Internet: