Jon Cleary

Escritor australiano, Jon Cleary nasceu a 22 de novembro de 1917, na cidade de Sydney, na Nova Gales do Sul. Oriundo de uma família da classe média baixa, era o filho mais velho de sete irmãos. Estudou numa escola dirigida pelos Irmãos Maristas, em Randwick e, abandonando a escola aos catorze anos de idade, passou a fazer trabalhos incertos e precários. Assim, durante oito anos foi, por exemplo, caixeiro-viajante, lenhador, entre muitas outras profissões.
Em 1940, e após o alastramento da Segunda Guerra Mundial ao continente asiático, Cleary decidiu alistar-se no exército australiano, pelo que foi enviado para o Médio Oriente e para a Nova Guiné. A ocasional inatividade das messes propiciou-lhe o empenhamento em escrever seriamente, e assim começou por publicar alguns contos na imprensa ilustrada. Em 1945 apareceu o seu primeiro livro, uma coletânea de contos baseados nas suas experiências da vida militar no Médio Oriente e, apenas dois anos depois, publicou o seu primeiro romance, You Can't See Round Corners (1947), no qual Cleary contava a história de um desertor de regresso à sua terra natal, e que não só obteve o segundo prémio no concurso literário do The Sydney Morning Herald, como foi convertido para uma série televisiva e para um filme.
Após ter trabalhado como jornalista na delegação de Londres da Agência de Imprensa governamental Australiana, e isto entre 1948 e 1949, Cleary foi transferido para a delegação de Nova Iorque, desempenhando as mesmas funções até ao ano de publicação do seu mais célebre romance, Sundowners, em 1951. Decorrendo na década de 20, a ação da obra demonstra a recusa de um carroceiro australiano em se enraizar, escolhendo deambular com a mulher e o filho pela imensidão do continente.
Sundowners deu início a uma nova fase na obra do autor, conseguindo cativar o interesse da indústria cinematográfica, não só pelos cenários variados e internacionais, como pela intriga fortemente emocionante. Assim, após a adaptação do romance para cinema, muitos outros se lhe seguiram: The Green Helmet (1957), Justin Bayard (1955), The Climate of Courage (1954), High Road to China (1977), City of Fading Light (1985) e Bear Pit (2000).
Como referenciar: Jon Cleary in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-07-08 12:00:35]. Disponível na Internet: