José de Azeredo Perdigão

Jurista português nascido em 1896, em Viseu, e falecido em 1993. Concluído o curso de Direito, iniciou a carreira de advogado, participando em grandes processos civis, comerciais e criminais da época. Tornou-se professor universitário e pertenceu ao primeiro corpo diretivo da revista Seara Nova. Em 1956 passou a dedicar-se inteiramente à Fundação Calouste Gulbenkian, a cujo Conselho de Administração presidiu durante 37 anos. Foi galardoado com numerosas condecorações nacionais e estrangeiras e feito Doutor Honoris Causa por várias universidades. Publicou estudos económicos e forenses em opúsculos e revistas da especialidade.
Como referenciar: José de Azeredo Perdigão in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-01-23 07:45:57]. Disponível na Internet: