José Nicolau Raposo Botelho

Militar e publicista português, José Nicolau Raposo Botelho nasceu a 20 de julho de 1850, no Porto.
Como voluntário, integrou o Exército, sendo colocado no Batalhão de Caçadores no Porto. Concluiu o curso da Escola do Exército e, progressivamente, alcançou o generalato, em 1908. O militar desempenhou várias outras funções: foi docente na Escola do Exército, no Real Colégio Militar, no Liceu Central e na Escola Normal do Porto, foi diretor do Real Colégio Militar (1904-1910), vogal do Supremo Conselho de Defesa nacional, diretor da Revista Militar (1900-1910) e ministro de Guerra (1910).
Para além de algumas traduções, Raposo Botelho publicou obras sobre temas histórico-militares e sobre o ensino, tais como Curso Elementar de Tiro (1878), História Universal - Cronologia Histórica (1880), Princípios de Álgebra (1883), Curso de Geografia (1898) e Tratado Completo de Aritmética Prática (1906).
José Nicolau Raposo Botelho faleceu a 24 de fevereiro de 1914, em Lisboa.
Como referenciar: José Nicolau Raposo Botelho in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-12-14 00:15:30]. Disponível na Internet: