Joseph Campbell

Escritor norte-americano, Joseph Campbell nasceu a 26 de março de 1904, na cidade de Nova Iorque, e faleceu a 31 de outubro de 1987, na sua residência em Honolulu, nas Ilhas Havai.
Desde cedo se interessou pelas tradições populares ameríndias. Durante a sua juventude teve a possibilidade de empreender uma viagem pela Europa, após a qual ingressou na Universidade da Columbia, licenciando-se em Literaturas Inglesa e Comparada no ano de 1927.
Optou por prosseguir os seus estudos de pós-graduação na Europa, frequentando universidades de Paris e Munique, e procurando, no decorrer das suas investigações, estabelecer um paralelismo entre os elementos fundamentais dos ciclos arturianos e as lendas ameríndias. De regresso aos Estados Unidos da América, recolheu-se durante cinco anos, procurando pistas nas obras de Carl Jung, James Joyce e Thomas Mann, e escrevendo a sua tese de doutoramento. Em 1934 abraçou a carreira docente, passando a ensinar no Sarah Lawrence College de Nova Iorque, onde permaneceu até se reformar em 1978.
Em 1942 colaborou com Swami Nikhilananda na tradução de uma obra indiana de carácter espiritual, The Gospel of Sri Ramakrishna e, dois anos depois escreveu, em colaboração com Henry M. Robinson uma obra crítica dedicada a um dos grandes romances de James Joyce, com o título A Skeleton Key To Finnegans Wake (1944). Nesse mesmo ano retomou o seu trabalho mitológico, comentando uma edição das obras completas dos irmãos Grimm, The Complete Grimm Fairy Tales (1944).
Em 1948 foi publicada aquela que é considerada a sua melhor obra, The Hero With a Thousand Faces, na qual não só procurava divulgar as ideias de Carl Jung, como também dar a entender ao mundo que todos os povos partilham certos símbolos e intenções no cumprimento dos seus rituais. Assim, dando exemplos de mitos de tradições tão diferentes como a dos hindus, dos maias, dos vikings, dos gregos, dos budistas e das lendas arturianas e bíblicas, Campbell tentou demonstrar a similitude entre os rituais de iniciação pelos quais o herói tem que passar tradicionalmente para ascender espiritualmente.
Entre 1959 e 1968 foram aparecendo os quatro volumes da obra The Masks of God, dos quais os três primeiros eram dedicados à mitologia passada, sendo o último consagrado àquilo a que Campbell chamou de "mitologia criativa" e, em 1972, seria a vez de Myths To Live By, em que anunciava a possibilidade da criação de novos mitos.
Teve ao seucuidado, entre 1985 e 1986, uma série de televisão, The Power Of Myth, rodada na sua maioria no rancho do seu amigo pessoal, o famoso cineasta George Lucas, cuja obra Campbell inspirou. Em 1987 foi eleito membro da Academia das Artes e Letras Norte-Americana.
Como referenciar: Joseph Campbell in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-17 18:39:15]. Disponível na Internet: