Labirinto de Creta

Esta é uma das óperas editadas em vida do autor, embora anonimamente, e foi representada no Pátio da Comédia no mesmo ano da sua edição.
Está dividida em duas partes e conta a vingança do rei Minos, após a morte do seu filho Andrageu.
Assim, impôs aos atenienses a sua obediência e um pesado tributo. Todos os anos, os Atenienses teriam de entregar ao rei Minos sete mancebos dos quais o Minotauro, que existia no labirinto fabricado por Dédalo, se alimentaria.
Tendo sido um dos eleitos para entrar no labirinto, Teseu, príncipe de Atenas, conseguiu escapar, graças ao auxílio de duas filhas do rei Minos, Fedra e Ariadna.
Como referenciar: Labirinto de Creta in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-19 23:40:33]. Disponível na Internet: