Lance Armstrong

Ciclista norte-americano, nasceu a 18 de setembro de 1971, em Plano, no Texas. Foi ainda na sua terra natal que começou a mostrar aptidões para o desporto e, aos 13 anos, venceu uma prova de triatlo. Três anos mais tarde, tornou-se triatleta profissional. Aos poucos, Lance foi deixando de parte a natação e a corrida e passou a dedicar-se mais ao ciclismo. Depois de ter terminado os estudos secundários, apostou em exclusivo nas bicicletas.
Em 1989, qualificou-se para participar nos Campeonatos do Mundo de juniores que tiveram lugar em Moscovo e, dois anos mais tarde, sagrou-se campeão amador dos Estados Unidos da América.
Em 1992, o ciclista norte-americano participou pela primeira vez em Jogos Olímpicos, tendo obtido um 14.º lugar em Barcelona. Ainda nesse mesmo ano passou a ser atleta profissional, fazendo parte da equipa Motorola. A sua primeira prova nessa condição foi o Clássico San Sebastian, em Espanha, onde Lance ficou em último lugar a 27 minutos de distância do vencedor. O desânimo foi de tal ordem que Lance pensou em abandonar a carreira, mas o forte incentivo por parte da mãe levou-o a prosseguir no ciclismo. Logo no ano seguinte, começou a somar triunfos importantes, já que se sagrou campeão do Mundo em Oslo, na Noruega, campeão profissional dos Estados Unidos da América e venceu uma etapa na sua estreia na Volta a França, a prova mais importante do calendário velocipédico mundial.
Lance Armstrong passou a ser o único ciclista norte-americano de categoria a integrar o pelotão internacional tendo somado alguns triunfos importantes, entre os quais se destacam a vitória, em 1995, numa etapa da Volta a França que serviu para homenagear o seu colega Fabio Casartelli, que havia falecido na edição anterior vítima de queda. Ainda em 1995, tornou-se no primeiro ciclista norte-americano a vencer o Clássico de San Sebastian, vingando o último lugar de 1992.
Em 1996, Lance Armstrong chegou ao primeiro lugar do ranking internacional de ciclismo, mas a sua vida e carreira sofreram um forte revés em outubro de 1996, quando lhe foi diagnosticado um cancro, que levou, inclusive, a que o seu contrato com a Cofidis fosse anulado por decisão da equipa. Depois de um ano de intensos tratamentos de quimioterapia o ciclista voltou ao treinos em 1997, para no ano seguinte regressar à competição, já na formação US Postal. O retorno às provas oficiais deu-se em 1998. Lance retomou a sua carreira ainda com mais sucesso, com triunfos na Volta ao Luxemburgo e na Alemanha e boas classificações na Volta à Holanda e Volta à Espanha. Em 1999, concretizou a primeira de cinco vitórias consecutivas na Volta à França. Em setembro de 2000, ganhou em Sydney, na Austrália, a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos.
Em 2005, venceu a Volta à França em Bicicleta.
Como referenciar: Lance Armstrong in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-11 00:51:53]. Disponível na Internet: