Lego

Fundada pelo dinamarquês Ole Kirk Christiansen em 1932, a fábrica de brinquedos só adquire o nome Lego em 1934, tendo sido oficialmente registrado apenas em 1954. Dedicava-se inicialmente ao fabrico de brinquedos, entre outros utensílios, em madeira. Só em 1947, quando investiu numa máquina de fazer moldes, é que começou a trabalhar com plástico, porém não pondo de parte a madeira.
As precursoras das famosas peças de construção da Lego surgiram em 1949, mas foram comercializadas apenas na Dinamarca. Só em 1959 foi patenteada a invenção do sistema de encaixe, ainda hoje utilizado nestes brinquedos, que permite um número elevado de combinações de peças. O ano de 1960 foi marcado por um incêndio num armazém de brinquedos de madeira, após o qual a empresa decidiu dedicar-se inteiramente à produção de brinquedos de plástico, que para além de serem mais leves podiam ter cores mais sugestivas. Ao longo dos tempos a Lego foi desenvolvendo vários jogos de peças para construção, desde comboios, a castelos, a robots, entre muitos outros. Um dos jogos mais famosos é a Legoland, que dá a possibilidade de construir uma cidade inteira.
Estes brinquedos tornaram-se um grande sucesso mundial. São alvo de vários concursos internacionais e de exposições de esculturas que atingem grandes proporções.
Para além disso, existem três grandes espaços, um na Dinamarca, outro nos Estados Unidos da América e outro na Inglaterra, chamados Legoland, para quem quiser ver em grande escala construções feitas de peças de Lego, representando castelos, paisagens e monumentos de várias partes do mundo.
Como referenciar: Lego in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-22 05:14:08]. Disponível na Internet: