lixívia

A lixívia, também designada de potassa cáustica ou hidróxido de potássio, é uma solução aquosa de carácter básico, de hidróxidos, carbonatos e sulfuretos de metais alcalinos como é o caso da lixívia de soda e lixívia de potassa.
A lixívia é preparada industrialmente pela eletrólise de uma solução de cloreto de potássio concentrada mas também pode ser obtida por aquecimento de carbonato ou sulfato de potássio com cal apagada (Ca(OH)2).
É semelhante ao hidróxido de sódio mas é mais solúvel e é por este motivo preferida na utilização como adsorvente para dióxido de carbono e de dióxido de enxofre.
A lixívia é também usada na produção de sabão macio, de outros sais de potássio, em pilhas níquel-ferro e em pilhas alcalinas.
É um produto extremamente corrosivo para os tecidos do corpo e especialmente prejudicial para os olhos.
A lixívia sulfítica é um tipo de lixívia constituída por uma solução aquosa de bissulfito de cálcio que se utiliza para a obtenção de celulose a partir da madeira, uma vez que dissolve a lenhina. A lixívia residual, rica em lenhina, transforma-se em álcool de sulfito por fermentação. Além disto, também se obtêm desta lixívia extratos para curtimento, colas, aparelhos, detergentes, rações ricas em proteínas e leveduras.
Como referenciar: lixívia in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-12-03 04:41:29]. Disponível na Internet: