lobo

Designação de animais mamíferos, carnívoros da família dos Canídeos, espécie Canis lupus, representado em Portugal pela subespécie Canis lupus signatus. Embora já tivesse sido uma espécie distribuída por toda a Europa, atualmente encontra-se na Escandinávia e nas serras do Sul da Europa. É um animal robusto com um comprimento, incluindo a cauda de 45 centímetros, de cerca de 145 centímetros e tem uma altura de 85 centímetros medida no garrote. A pelagem é de cor variável, indo desde o acinzentado ao negro passando pelo pardo-acinzentado. A zona pilosa do maxilar inferior e da garganta é geralmente mais clara. A cauda apresenta a ponta sempre negra.
A sua atividade é crepuscular e noturna e fora da época da reprodução caça e vive em alcateias de cinco a oito indivíduos, onde predomina uma hierarquização muito bem definida, em que cada sabe o lugar que ocupa. Alimenta-se de mamíferos em geral de tamanho médio ou grande, sobretudo ungulados. A época do acasalamento é de dezembro a março e o período de gestação é de dez semanas e origina 4 a 6 crias. Os recém-nascidos são cegos e surdos e com pelagem pardo-acinzentada.
Os especialistas reconhecem quatro subespécies fundamentais: os lobos-cinzentos, lobos-pardos, lobos-brancos e lobos-vermelhos. Os lobos-cinzentos vivem no continente norte-americano, os lobos-pardos distribuem-se desde a Península Ibérica até às Ilhas Curilhas, no norte do Japão, os lobos-brancos são próprios das regiões árticas e os lobos-vermelhos encontram-se nas regiões meridionais dos continentes asiático e americano.
O lobo é o antepassado dos cães domésticos, mantendo-se nos cães algumas das formas de conduta originais, como o uivar, que na maioria dos casos se transforma em latir.
Como referenciar: lobo in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-23 22:11:08]. Disponível na Internet: