Marino I (ou Martinho II)

Papa italiano, foi diácono e bispo de Cerveteri antes da sua eleição, sendo natural da Toscânia e filho de um presbítero. O seu papado ocorreu de 16 de dezembro de 882 a 15 de maio de 884.
Prestou o voto de fidelidade ao imperador Carlos, o Gordo, em 883, e nesta ocasião foi também decidida a destituição do duque de Spoleto, Guido, e a absolvição do bispo Formoso, podendo este retornar à sua diocese de Porto.
A schola saxonum, local onde viviam os britânicos na cidade de Roma, foi isenta de impostos em 884, a pedido de Alfredo, o Grande.
Como referenciar: Marino I (ou Martinho II) in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2021. [consult. 2021-01-28 00:20:27]. Disponível na Internet: