Martinho de Figueiredo

Também conhecido como Martim de Figueiredo e tio do humanista Aires Barbosa, sabe-se que viveu entre os séculos XV e XVI. Foi escritor e magistrado (a partir de 1511), formou-se em Direito Canónico e em Direito Civil e a sua passagem registou-se pelas cidades de Bolonha e de Florença.
Conhece-se uma sua obra em latim, Commentum in Plinii naturalis historiae prologum, publicada em Lisboa no ano de 1529. Foi convidado para substituir um professor de Filosofia Moral da Universidade de Lisboa, em dezembro de 1524, mas o ordenado oferecido era de tal modo reduzido que o fez dizer sarcasticamente que preferia lecionar de graça. Desempenhou igualmente funções no desembargo do Paço em tempos do rei D. João III e em 1529 ali exerceu as funções de "senador do reino de Portugal".
Como referenciar: Martinho de Figueiredo in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-15 03:30:40]. Disponível na Internet: