massa gravitacional

Segundo a Lei da Gravitação de Newton, a massa gravitacional consiste numa constante que depende do corpo, de tal maneira que, dados dois corpos, a força gravitacional de atração entre eles é proporcional ao produto daquelas constantes.
O valor da massa gravitacional é, deste modo, medido de forma empírica.
A experiência demonstra que num corpo a massa inercial e a massa gravitacional coincidem. Este resultado, já estudado pelo físico Isaac Newton, foi demonstrado com o auxílio de uma balança de torção por R. Eotvos, experiência da qual parte a teoria da relatividade geral e que faz com que na prática se fale de massa em referência a qualquer das duas indistintamente.
No sentido da teoria da relatividade, a massa é unicamente uma forma de energia. Consequentemente, a massa pode ser transformada em energia e vice-versa. Portanto, existe uma única lei de conservação, a da energia, e não uma lei de conservação para a energia e outra para a massa, como no caso da mecânica clássica.
Como referenciar: massa gravitacional in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-09-20 21:36:03]. Disponível na Internet: