massa monetária

O conceito de massa monetária é muito importante a nível da macroeconomia, nomeadamente no que concerne à avaliação e definição das políticas monetárias que afetam a oferta de moeda das economias.
A massa monetária de uma economia corresponde a uma definição lata de moeda que engloba diversas formas de ativos monetários. Genericamente, corresponde à soma do volume de moeda para transações (ou disponibilidades monetárias) com a denominada quase-moeda (ou disponibilidades quase monetárias).
A moeda para transações engloba por sua vez três tipos de ativos monetários: as moedas metálicas não detidas pelos bancos, o papel-moeda (notas ou moeda fiduciária) e os depósitos à ordem, que correspondem à parte mais líquida da moeda escritural. A soma da moeda metálica com o papel-moeda constitui o numerário de uma economia. Deve referir-se que atualmente as moedas e as notas dispõem de curso forçado, ou seja, têm de ser aceites como meio de pagamento no âmbito das transações económicas, apesar de, ao contrário do que já aconteceu em determinadas situações, não haver qualquer tipo de suporte do seu valor em metais preciosos ou outros ativos. A terceira componente da moeda para transações corresponde aos depósitos à ordem, que são uma forma de moeda escritural, na medida em que as formas de pagamento neles baseados (designadamente os cheques e os cartões) traduzem uma desmaterialização completa da moeda. Os depósitos à ordem, dada a sua liquidez, são assim considerados como moeda em sentido estrito, na medida em que permitem efetuar pagamentos associados a transações de forma imediata.
O conceito de quase-moeda engloba um conjunto de ativos monetários cuja liquidez ou facilidade de utilização como forma de pagamento é menor, não sendo portanto considerados moeda para transações. Da quase-moeda fazem parte os depósitos de poupança nos bancos (depósitos a prazo, contas poupança-habitação, etc.), as obrigações de caixa e outros ativos que são substitutos quase perfeitos das disponibilidades monetárias. Ou seja, apesar de não poderem ser usados como meio de troca para todas as transações, são formas de quase-moeda na medida em que rapidamente podem ser transformados em meios líquidos sem que haja perda de valor.
Como referenciar: massa monetária in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-24 02:54:55]. Disponível na Internet: