Mesquita de Solimão

A Mesquita de Suleiman, ou Solimão, em Istambul é uma das mais importantes mesquitas da Turquia. Este templo muçulmano foi construído na segunda metade do século XVI (1550-1557) pelo artista Sinan, para o sultão Suleiman, o Magnífico, daí a origem do nome com que comummente é designada. De toda a produção de Sinan, salienta-se esta mesquita considerada a maior e a melhor, implantada num local privilegiado sobre o Corno Dourado.
O edifício é precedido por um pátio servido por um majestoso pórtico, flanqueado por uma arcada decorada pela conjugação de pedras como o mármore e o granito. O modelo inspirador deste monumento não poderia deixar de ser a Igreja da Santa Sabedoria (Hagia Sofia). Repetindo a sua planta quadrada, está coberta por uma grandiosa cúpula suportada por colunas, arcos e os inovadores pendentes introduzidos na igreja bizantina.
Interiormente apresenta vitrais da autoria de Sarhos Ibrahim e inscrições caligráficas. Também são dignos de nota o mihrab e o mimbar feitos em mármore, bem como os trabalhos em madeira, com incrustações de marfim e de madrepérola, colocados nas janelas, nas portas e no púlpito.
No jardim, a sul da mesquita, estão sepultados Suleiman e a sua esposa, Haseki Hurrem (Roxelana).
Como referenciar: Mesquita de Solimão in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-12 08:53:12]. Disponível na Internet: