Michael Gambon

Ator irlandês, Michael Gambon nasceu a 19 de outubro de 1940 em Dublin. Com 5 anos, mudou-se para os arredores de Londres e aos 15 anos abandonou a escola para ir trabalhar para uma fábrica. Estreou-se no teatro em 1962 com um pequeno papel em Othello, encenado em Dublin. No ano seguinte, foi selecionado por Sir Laurence Olivier para integrar em Londres o National Theatre, ficando particularmente conhecido pelas diversas peças que interpretou da autoria de Alan Ayckbourn.
Em 1974, estreou-se no cinema com The Beast Must Die e em 1980 teve um dos pontos altos da sua carreira teatral quando protagonizou The Life of Galileo, de John Dexter. Em 1986, teve um dos seus papéis mais emblemáticos, o de Philip Marlowe, na excelente série televisiva britânica The Singing Detetive (O Detetive Cantor), de Dennis Potter; e no ano seguinte teve uma prestação triunfante e multipremiada na peça de Arthur Miller A View From the Bridge. Em 1989, estreou-se no cinema americano com A Dry White Season (Assassinato Sob Custódia) e interpretou de forma memorável o sádico Albert Spica em The Cook, The Thief, His Wife and Her Lover (O Cozinheiro, o Ladrão, a Sua Mulher e o Amante Dela), filme-choque de Peter Greenaway. Posteriormente, interpretou o desvairado tio de Robin Williams em Toys (O Fabricante de Sonhos, 1992), de Barry Levinson; e encarnou o célebre inspetor Maigret na série da BBC Maigret. No teatro, teve uma aclamada interpretação em Volpone (1995) e estreou-se na Broadway em 1996 com Skylight, de David Hare, pela qual recebeu a nomeação para um Tony. Em 1997, foi armado cavaleiro da Coroa britânica pela rainha Isabel II.
Destacou-se depois pelos seus papéis em Dancing at Lughnasa (Dançando em Lughnasa, 1998), representando o único irmão de uma família de diversas irmãs que regressam à Irlanda vindos de África; The Insider (O Informador, 1999), de Michael Mann, interpretando um patrão de uma tabaqueira; Sleepy Hollow (A Lenda do Cavaleiro Sem Cabeça, 1999), de Tim Burton; e Gosford Park (2001), de Robert Altman, interpretando o anfitrião de uma festa que envolve um assassínio. Em 2002, foi nomeado para o Globo de Ouro de Melhor Ator em Minissérie ou Telefilme pelo seu papel de presidente Lyndon B. Johnson no telefilme Path to War (Caminho Para a Guerra). Em 2004, substituiu o falecido Richard Harris no papel de Albus Dumbledore no popular Harry Potter and the Prisoner of Azkaban (Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban), repetindo a mesma personagem em Harry Potter and the Goblet of Fire (Harry Potter e o Cálice de Fogo, 2005).
Merecem ainda destaque as suas participações em Being Julia (As Paixões de Júlia, 2004), com Jeremy Irons e Annette Bening; The Life Aquatic With Steve Zissou (Um Peixe Fora de Água, 2004), de Wes Anderson; e Layer Cake (2004), filme de gangsters britânico realizado por Matthew Vaughn.
Como referenciar: Michael Gambon in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-11 15:00:51]. Disponível na Internet: