Michel Tournier

Escritor francês, Michel Tournier nasceu a 19 de dezembro de 1924 em Paris e faleceu a 18 de janeiro de 2016 em Choisel, França.

Filho de pais germanistas, Tournier cresceu mantendo desde muito cedo contacto com o idioma e influências da Alemanha. Descobriu a paixão pelo mundo dos livros na agência de direitos de autor que o seu pai fundara, onde teve acesso a grandes obras literárias.

Após completar o ensino secundário, durante a Segunda Guerra Mundial, prosseguiu os estudos de Filosofia e Direito na Sorbonne. Frequentou a Universidade de Tübingen durante quatro anos, entre 1946 e 1950, mas não conseguiu superar a agrégation, que lhe permitiria o acesso a cargos docentes mais importantes.

De 1949 a 1954 escreveu para emissões radiofónicas e televisivas, passando depois, entre 1958 e 1968, a ser o editor principal da Plon.

Foi adido de imprensa da Radio Europe, apresentador da série de televisão La Chambre Noire e contribuiu para a revista Nouvelles Littéraires.

Em 1967 publicou o seu primeiro romance, Vendredi, ou Les Limbes du Pacifique (Sexta-feira, ou Os Limbos do Pacífico). A obra é uma recriação do Robinsoe Crusoe de Daniel Defoe, mas apresentada com um requinte filosófico, e foi galardoada no próprio ano da publicação com o Grand Prix du Roman da Academia Francesa.

O seu segundo romance Le Roi des Aulnes (O Rei dos Álamos, 1970), publicado três anos mais tarde, venceu o Prix Goncourt, reunindo pela primeira vez a unanimidade dos votos daquele júri.

Publicou a sua autobiografia literária em 1977, com o título Le Vent Paraclet.

Foi autor de ensaios, contos, poemas, romances juvenis, deixando importantes outras obras como Le vol du vampire (1981), Le Coq de bruyère (1978), Le Médianoche amoureux (1989) ou Journal extime (2002), e até um livro de viagens, Le Vagabond Immobile (1984).

Membro da Academia Goncourt desde 1972, Michel Tournier foi, a 1 de janeiro de 2016, nomeado comendador da Légion d’honneur, a mais alta das distinções nacionais francesas.

Como referenciar: Michel Tournier in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-13 11:07:11]. Disponível na Internet: