Morávia

Antiga região da Checoslováquia, que abrangia as atuais áreas da Morávia Meridional e da Morávia Setentrional, compreende uma superfície de 26 084 km2 e apresentava em 1983, uma população de 3 996 323 habitantes.
Foi povoada pelos celtas bóios durante o século V a. C., que foram mais tarde expulsos pelos germanos e pelos eslavos. Em 833 nasce o Império da Grã-Morávia, fundado por Mojmir I, e entre 870 e 894 este território conhece uma fase de grande crescimento pela mão de Svatopluk. Em 908 a invasão dos Magiares acaba por desintegrar a Grã-Morávia, que Otão I transformará em marco do Sacro Império Romano-Germânico.
Unida à Boémia e à Silésia forma o Estado checo, e participa ativamente no movimento hussita. Integra o Império dos Habsburgo em 1518. No fim da Primeira Guerra Mundial, em 1918, passa a fazer parte da Checoslováquia, retomando essa situação após a ocupação e retirada de Hitler durante a Segunda Guerra Mundial.
Como referenciar: Morávia in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-01 16:55:41]. Disponível na Internet: