Mr. Bean

Série televisiva humorística inglesa, Mr. Bean foi produzida pela Tiger Television para a Thames Television. Com argumento de Rowan Atkinson, Robin Driscoll e Richard Curtis, estreou em Inglaterra a 1 de janeiro de 1990 e o último episódio passou a 31 de outubro de 1995 com o título sugestivo de "Goodnight, Mr. Bean".
Acompanha a vida de Mr. Bean (Rowan Atkinson), um homem desastrado que semeia o caos por onde passa e para quem a mais simples das tarefas pode-se tornar um verdadeiro desafio cheio de acontecimentos inimagináveis. A vida é-lhe difícil, mas sendo muito persistente consegue contornar os seus problemas, mesmo que da forma mais engenhosa possível e com esquemas mirabolantes. Não tem família, gosta de estar sozinho e parece desatento e alheio aos aspetos normais e básicos da forma como as coisas funcionam. A sua imaturidade e egoísmo fazem-no ter comportamentos nonsense e hilariantes que raramente são verbalizados; quando fala é com uma voz áspera. As expressões faciais, contorções corporais e pequenos sons e resmungos são as armas usadas por Atkinson de uma forma engenhosa em alternativa à comunicação oral. A excelência da série está presente na sua universalidade, já que qualquer pessoa tem a capacidade de compreender e achar graça a esta personagem, mesmo aquelas que habitualmente não deliram com o humor britânico. Atravessa barreiras da linguagem e diferenças culturais de uma forma brilhante e prova que o humor não tem língua nem fronteiras.
Com o sucesso estrondoso da série, foi feita posteriormente uma longa-metragem para cinema baseada na mesma: Bean (Bean: Um Autêntico Desastre, 1997), realizado por Mel Smith. Com desenvolvimento de mais personagens, Bean é aqui um empregado do Royal National Gallery em Londres enviado pelos seus colegas para uma galeria em Los Angeles, nos Estados Unidos, como representante do museu, como forma de terem um descanso dos desastres diários que cria. Bean fica em casa de uma família e faz-lhes a vida num inferno além de criar problemas graves na galeria, pois o seu conhecimento de pintura é nulo.
Em 2002, esta personagem reapareceu, desta vez numa série de animação: Mr. Bean The Animated Series.
Como referenciar: Mr. Bean in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-13 22:08:53]. Disponível na Internet: