Nuno Markl

Apresentador de rádio e televisão português nascido em 21 de julho de 1971, em Lisboa.

A paixão de Nuno Markl pela rádio começou a notar-se muito cedo já que aos 10 anos simulava a realização de programas em casa, recorrendo a um gravador, a um microfone e a um aparelho de rádio. Aos 17 anos descobriu que perto de sua casa havia uma rádio-pirata chamada "A Voz de Benfica" e foi nela que se iniciou a apresentar programas.

Em 1990, Nuno Markl tirou o curso de jornalismo do Cenjor, em Lisboa, tendo estagiado na CMR – Correio da Manhã Rádio, onde trabalhou com Margarida Pinto Correia. Apesar de não ser essa a sua vocação, aprendeu a ser jornalista. O seu objetivo era apresentar programas de rádio, se possível bem-humorados. Ainda na CMR é escolhido para assegurar sozinho a programação da madrugada, altura em que aproveitava para fazer humor. Nesta época, fez o programa "Prok Der e Vier", que considera ser o mais pessoal da sua carreira. Nele estava incluída uma radionovela humorística chamada "A Saga de Abílio Mortaça". Quando Markl se mudou para a Rádio Comercial em 1993 levou consigo a radionovela e foi devido a este trabalho que o convidaram a integrar a equipa das Produções Fictícias. Esta empresa de produção é responsável pela escrita de textos para o humorista Herman José e pelo programa "Contrainformação". Assim, Markl colaborou na elaboração de textos para "Herman Enciclopédia", "O Programa da Maria" e "Paraíso Filmes".
Ainda na Rádio Comercial, fez, em 1996, um talk-show noturno chamado "2 em 1", mas, com a mudança de proprietários na estação em 1997, passou a trabalhar na programação da manhã. Em outubro desse ano, surgiu a rubrica "O Homem que Mordeu o Cão", da sua autoria e incluída no Programa da Manhã da Comercial, apresentado por Pedro Ribeiro, Ana Lamy e José Carlos Malato. Esta rubrica, que alcançou um enorme sucesso, consistia em apresentar aos ouvintes histórias verdadeiras, apesar de completamente absurdas e bizarras.

Em 2002, lançou o livro O Homem que Mordeu o Cão, que inclui algumas das histórias hilariantes que passaram na rubrica de rádio. Foi o maior sucesso editorial do ano e teve direito a mais de dez edições, correspondente a mais de cem mil exemplares vendidos. Este sucesso levou a que fosse ainda criada uma peça com o mesmo título para ser representada em palco. Em 2003, lançou um segundo livro com o título O Regresso d'O Homem que Mordeu o Cão – A Irmandade do Canídeo e ainda no mesmo ano, juntamente com Maria de Vasconcelos e Pedro Ribeiro, publicou Vai uma Rapidinha?, uma compilação de anedotas.

Entretanto, Nuno Markl inicia a colaboração em programas do canal SIC Radical, emitido por cabo, nomeadamente no "Curto-Circuito"e no "Cine XL". Ainda na SIC Radical, estreou, em parceria com Fernando Alvim, outros dois programas: "O Perfeito Anormal", que era somente o que de mais nonsense existia na TV portuguesa, e o curtinho "O Homem da Conspiração", que acabou por ser uma espécie de complemento ao programa anteriormente mencionado.

Em 2004, a propósito das comemorações dos 30 anos do 25 de abril, Nuno Markl foi uma das trinta personalidades, pertencentes à geração com a idade da revolução, convidadas pelo Presidente da República Jorge Sampaio para um jantar no Palácio de Belém.

Na Antena 3, Nuno Markl começa uma nova etapa depois de “O Homem que mordeu o cão”, apresentando, no programa da manhã, a rubrica “Há vida em Markl”, posteriormente apresentada em pequenos episódios online, bem como “O Livro dos Porquês” e a “Laboratolarilolela”.

A sua passagem pelo cinema deu-se em 2009, com o filme A Bella e o Paparazzo, de António-Pedro Vasconcelos.

Em novembro de 2009 regressa à Rádio Comercial, onde apresenta a rubrica “Caderneta de Cromos” no Programa da Manhã. O sucesso desta rubrica humorístico-nostálgica, que aborda recordações da década de 80 do século passado, levou à realização de dois espetáculos que encheram os coliseus de Lisboa e do Porto em 2010.

Como referenciar: Nuno Markl in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-14 21:49:59]. Disponível na Internet: