Orlando Mendes

Escritor moçambicano, Orlando Marques de Almeida Mendes nasceu a 4 de agosto de 1916, na ilha de Moçambique.
Licenciou-se em Ciências Biológicas pela Universidade de Coimbra, onde foi assistente e onde se revelou poeta e prosador. Pertenceu aos quadros dos Serviços de Agricultura, foi fitopatologista e Funcionário do Ministério da Saúde.
Profundamente influenciado pelo neorrealismo português, o poeta, romancista, dramaturgo, crítico literário, colaborou em diversos jornais moçambicanos e estrangeiros e produziu uma vasta obra literária, como Trajetória (1940), Portagem.(1966), Um minuto de Silêncio (1970), A Fome das Larvas (1975), Papá Operário mais Seis Histórias (1983), Sobre Literatura Moçambicana (1982), entre outros. Recebeu o prémio Fialho de Almeida, o dos Jogos Florais da Universidade de Coimbra (1946) e o primeiro Prémio de Poesia no concurso literário da Câmara Municipal de Lourenço Marques.
Em 1990, Orlando Mendes faleceu em Maputo.
Como referenciar: Porto Editora – Orlando Mendes na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-09-23 09:55:35]. Disponível em