Os Comediantes de Lisboa

Companhia de teatro fundada por António Lopes Ribeiro em 1944, dirigindo-a em conjunto com o irmão Francisco Ribeiro (Ribeirinho) até 1950. Curiosamente, a sua criação resultou de uma imposição legal: António Lopes Ribeiro necessitou de alugar o Teatro da Trindade para poder estrear o seu filme Amor de Perdição (1944) e, quando este saiu de cartaz, uma lei da altura obrigou-o a produzir teatro naquela sala. Assim aconteceu com diversas peças como Pigmalião, de Bernard Shaw, Fanny, de Pagnol, ou O Cadáver Vivo, de Tolstoi, onde brilharam atores como António Silva, Maria Lalande, João Villaret ou Nascimento Fernandes.
Como referenciar: Os Comediantes de Lisboa in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-11-30 16:43:08]. Disponível na Internet: