osciloscópio

Um osciloscópio consiste num instrumento eletrónico utilizado para a observação e registo (oscilógrafo) de fenómenos físicos que variam no tempo, após transformação prévia em sinais elétricos variáveis. Consta, em princípio, de um tubo ou válvula de raios catódicos no qual os eletrões emitidos pelo cátodo incandescente (e que se dirigem para o ecrã no qual dão origem a um ponto luminoso) passam entre dois pares de placas perpendiculares entre si e eletricamente carregadas, criando assim um campo de forças eletrostático que provoca o desvio da sua trajetória. As placas que dão origem ao desvio vertical são alimentadas com o sinal elétrico proporcional ao fenómeno que se deseja medir, enquanto que as placas de desvio horizontal são alimentadas com um sinal proporcional ao tempo (geralmente em dente de serra). A adição dos dois impulsos origina como resultante um sinal luminoso sobre o ecrã, o qual descreve graficamente o fenómeno objeto do estudo.
Como referenciar: osciloscópio in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-07-10 10:20:26]. Disponível na Internet: