paronomásia

Figura de retórica que consiste no uso de palavras com som parecido mas de significado diferente, com o propósito lúdico de jogar com as palavras ou com o propósito estético de criar ambiguidades. A paronomásia é uma figura de repetição que se cruza frequentemente com o poliptoto, com o trocadilho (enquanto aproveitamento do sentido duplo de uma palavra) e com o jogo de palavras.
"Sagres sagrou então a Descoberta
E partiu encoberto a descobrir"
(Miguel Torga)
"Aquela cativa
que me tem cativo
porque nela vivo
já não quer que viva"
(Camões, Redondilhas)
A paronomásia é também um artifício retórico utilizado nos trava-línguas infantis:
"Debaixo daquela pipa
Está uma pita.
Pinga a pipa,
Chia a pita,
Chia a pita,
Pinga a pipa."
(Delgado, N. J. 1957. Aspetos curiosos da nossa Etnografia e do nosso Folclore: Jogos Infantis Tradicionais, Lenga-lengas e Adivinhas, in "Mensário das Casas do Povo", Lisboa, ano XI.)
Como referenciar: Porto Editora – paronomásia na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-12-06 15:51:19]. Disponível em