Patrick Modiano

Escritor francês, Patrick Modiano nasceu a 30 de julho de 1945, em Boulogne-Billancourt, nas cercanias da cidade de Paris. Filho de um judeu natural de Alexandria e de uma comediante belga, foi o fruto de uma relação quase clandestina, já que os seus pais se haviam conhecido durante o período da Ocupação Francesa.
Estudou em várias escolas, um pouco por todo o país, acompanhando as digressões da mãe. Assim sendo, depois de ter frequentado a escola de Montcel, situada na região de Seine-et-Oise, transitou para o Colégio de Saint-Joseph de Thônes, na Alta Savóia, desta feita na qualidade de aluno interno.
Aos doze anos de idade sofreu um terrível desgosto causado pela morte prematura do seu irmão mais novo, por quem era muito afeiçoado. Completou o ensino secundário no Liceu Henry-IV, em Paris, mas não empreendeu estudos superiores. Após calcorrear alguns empregos para poder prover ao seu sustento, Patrick Modiano conseguiu, em 1967, reunir os fundos suficientes para se poder dedicar inteiramente ao seu chamamento. Portanto, ao fim de apenas um ano, conseguiu completar e publicar o seu primeiro livro, um romance intitulado La Place de l'Étoile (1968), que dedicou à memória do seu falecido irmão, e no qual celebrava a cidade de Paris, traço que se veio a revelar como quase sempre constante na sua obra.
Não obstante o sucesso quase imediato deste seu primeiro trabalho, só após o aparecimento de La Ronde de Nuit (1969), Les Boulevards de Ceinture (1972) e Emmanuel Berl, Interrogatoire (1976) é que Patrick Modiano passou a ser considerado como um autor de importância da literatura francesa, sobretudo ao receber, em 1978, o reputado Prémio Goncourt, atribuído em reconhecimento pelo seu romance Rue des Boutiques, publicado no mesmo ano.
Continuando a explorar as peculiaridades mais recônditas da cidade de Paris, Patrick Modiano manteve-se prolífico, dando ao prelo obras como Quartier Perdu (1984), Dimanche d'Août (1986, Domingos de agosto), Voyage de noces (1990), Un Cirque Passe (1992, Um Circo que Passa) e Des Inconnues (1999). No ano de 2003 publicou Accident Nocturne, romance que conta a história de um homem que parte em busca de uma mulher que o atropelou, pressentindo que os seus encontros acidentais podem vir a desvendar um propósito no destino.
Patrick Modiano foi galardoado com o Grande Prémio Nacional das Letras francês, em tributo pela totalidade da sua obra.
Como referenciar: Patrick Modiano in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-11 18:06:27]. Disponível na Internet: