Piauí

O estado do Piauí situado na região Nordeste do Brasil, confina a leste com os estados do Ceará e Pernambuco, a sul e a sudeste com o estado da Baía, a oeste, separado pelo delta do rio Paraíba, com o estado do Maranhão e a norte com o oceano Atlântico. A capital é Teresina. O estado do Piauí tem uma superfície de 251 529 km2 e, pelo censo de 2006, 3 036 290 habitantes. A densidade populacional é de 12,07 hab/km2 e a esperança média de vida é de 67,8 anos.
As planícies dominam a faixa litoral e as margens dos rios Paraíba e subsidiários. O resto do relevo é composto por planaltos com altitudes em redor dos 900 metros. O ponto mais elevado fica na serra Grande a 865 m. O território do Piauí é cortado pelo rio Paraíba e seus afluentes, entre eles o Uruçuí, o Poti, o Piauí e o Gurguéia. Ao contrário do que acontece no vizinho Ceará, os rios do Piauí não perdem o seu caudal na estação seca. Esta situação pode contudo mudar, com o assoreamento crescente dos rios causado, sobretudo pelo desbravamento das margens e das nascentes dos rios. A cobertura vegetal do território interior é dominada pela catinga devido às condições semiáridas predominantes a sudeste. A floresta encontra-se no curso baixo e médio do Paraíba e o cerrado no centro-leste. No litoral crescem os mangais. Os coqueiros são um recurso de grande relevo para a indústria extrativa do Piauí. O clima é tropical com grande amplitude térmica: temperaturas mínimas de 18ºC e máximas de 39ºC. A precipitação varia entre os 1000 mm e os 1600 mm anuais. A humidade no ar é elevada chegando a atingir os 84%.
Em 1674, foram os fazendeiros que à procura de novas pastagens acabaram por ocupar as terras do Piauí nas margens do rio Gurguéia. Muitas destas fazendas passaram para as mãos dos jesuítas que fizeram florescer a pecuária na região. Em 1811, o Piauí separou-se do estado do Maranhão e no período regencial, os piauienses participaram no movimento da Balaiada. A segunda metade do século XIX foi de estagnação económica só ultrapassado com a construção do caminho de ferro. Na atualidade, o principal setor económico é o dos serviços, embora muita da mão de obra do estado trabalhe na indústria química e na agricultura. A pecuária é caracterizada pela criação de caprinos bem adaptada às condições semiáridas da região. O ecoturismo é outra das atividades em destaque. A faixa costeira é a menos extensa do Brasil, com apenas 66 km, mas tem a particularidade de ter o único delta, o do Paraíba, em mar aberto do continente americano.
Como referenciar: Piauí in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-18 03:40:09]. Disponível na Internet: