Pirmin Treku

Bailarino e coreógrafo espanhol, nascido em 1930, em Zarauz, no País Basco, em Espanha, e falecido em 2006, em San Sebastian, foi o fundador da Companhia de Bailado do Porto.
Aos sete anos, foi enviado para Inglaterra para aí receber a sua educação e, oito anos mais tarde, ingressou numa escola de Belas Artes, onde nasceu o seu interesse pelo ballet. Na altura, Pirmin Treku ficou impressionado com um espetáculo do Sadlers Wells Ballet, que entretanto deu lugar ao Royal Ballet, e decidiu fazer carreira como bailarino. Acabou por ingressar na companhia que tanto o impressionou depois de ter sido aprovado logo na primeira audição que fez. Pirmin Treku interpretou diversos papéis principais e atuou em diversos países.
Com pouco mais de trinta anos, teve de se retirar dos palcos por causa de problemas num joelho. O seu último espetáculo foi La Fête Étrange, da Royal Opera House, que teve lugar no Covent Garden, em Londres,
Em 1931, mudou-se para Portugal onde, a convite da Escola Parnaso, se dedicou à formação de bailarinos profissionais. Dois anos mais tarde fundou, no Porto, a sua própria escola de bailado para depois criar a Companhia de Bailado do Porto.
Pirmin Treku morreu a 13 de julho de 2006, em San Sebastian, no País Basco espanhol.
Como referenciar: Porto Editora – Pirmin Treku na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-12-04 20:40:27]. Disponível em