queijos ingleses

A Inglaterra tem uma grande tradição no fabrico de queijo e produz o queijo mais consumido no mundo, o Cheddar, elaborado com leite de vaca. Hoje em dia, este queijo já é tão popular que também passou a ser produzido fora do território inglês. É um queijo sólido e granuloso, depois de totalmente maturado, ou seja após entre 9 a 24 meses de maturação. O Cheddar tem a forma de um tambor, sendo revestido por uma película natural. A cor do queijo varia entre o branco e o amarelo pálido, mas também há alguns que, graças à ação de corantes, ficam alaranjados.
Outros do mais populares queijos ingleses é o Cottage, também de leite de vaca. É um queijo fresco, de cor branca e com textura cremosa e granulada. Tem um sabor suave e pouco salgado, já que a massa é lavada para retirar a acidez natural do queijo. Como não é prensado, algum leite acaba por ficar na massa, o que explica o sabor mais suave. A este queijo por vezes são adicionados condimentos como ananás ou cebolinhas.
No entanto, o mais antigo queijo conhecido de Inglaterra é o Cheshire, fabricado no noroeste do país desde a época da ocupação romana. Este queijo de vaca, inicialmente era maciço, parecido com o famoso Cheddar, já que estava em maturação durante bastante tempo. Devido à necessidade dos produtores de venderem constantemente o produto, começou a ser deixado menos tempo em maturação, levando a que modificasse as suas características. Assim, o Cheshire, hoje em dia, tem uma textura algo granulosa e é apresentado em diversas cores, tendo ainda um gosto ligeiramente ácido e salgado, fruto das características das pastagens da região do planalto de Cheshire. Estas qualidades aprimoraram-se em finais do século XIX. No século XVIII, o Cheshire era o queijo mais popular em Inglaterra e, por isso, foi oficialmente adotado para fornecer a Marinha. Perto da região de Cheshire, mais a norte, já existia, pelo menos desde o século XIII, o queijo de Lancashire, que também tem um gosto salgado e ácido e uma textura granulosa, quando comercializado antes de maturado.
Dois séculos antes, no século XI, já era produzido o Wensleydale, um queijo branco, salgado e de textura granulosa que terá sido criado por influência dos monges de Císter, em Yorkshire Dales. Este queijo deve ser comido enquanto fresco.
Nos últimos anos, a Inglaterra retomou o fabrico de queijos de grande qualidade através da produção segundo métodos tradicionais por parte de pequenos agricultores. Tanto foram inventadas novas receitas como recuperadas algumas tradicionais. Uma das mais populares é a do tradicional Stilton, um dos mais antigos de Inglaterra. Este queijo, granuloso, só pode ser fabricado numa região delimitada aos condados de Nottinghamshire, Derbyshire e Leicestershire. Caracteriza-se por ter o interior azulado, cor que se obtém após furar a casca rígida com agulhas. A entrada de ar na massa do queijo faz aparecer a coloração azulada. É um queijo tradicional de Natal, que deve ser acompanhado com Vinho do Porto, e tem uma versão mais leitosa.
Como referenciar: queijos ingleses in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-12 08:58:26]. Disponível na Internet: